Curso Pensamento Social Brasileiro e as Relações Raciais no Brasil

Carregando mapa ....

Data / Hora
Date(s) - 31/03/2016
Dia Todo

Localização
Cursinho Popular da ACEPUSP

Colabore com a Agenda Preta

Categorias


12891731_614610498687326_9018483198422623051_o

NEPAFRO – Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro-Americanos e ACEPUSP – Associação Cultural de Educadores e Pesquisadores da Universidade de São Paulo, convidam para o Grupo de Estudos:

“Pensamento Social Brasileiro e as Relações Raciais no Brasil”
Coordenação: Marcio Farias e Rafael Domingos Oliveira.

A partir dos autores e obras que constituem o Pensamento Social Brasileiro, bem como dos estudos sobre relações raciais no Brasil, o objetivo deste grupo de estudos é criar um repertório analítico e um espaço de reflexão e debate sobre as relações raciais no Brasil, pela perspectiva dos projetos de Estado-Nação, procurando entender as convergências e divergências destes processos históricos. Busca-se, nessa possibilidade de pesquisa e reflexão, uma alternativa à dicotomia, ou a uma inoperante dissociação, perpetrada entre o “Pensamento Social Brasileiro” e os “Estudos sobre relações raciais no Brasil”, a fim de revelar a impossibilidade da elaboração de um sem o outro. Com isso, pretendemos também criar possibilidades concretas de promoção de uma análise crítica da história brasileira, tendo como centralidade a compreensão das relações raciais que a estruturam.

Módulos de Leitura e Discussão:

Módulo 1: Século XIX – Projetos de Brasil Moderno
Módulo 2: Conservadorismo e racismo cientifico no Brasil
Módulo 3: Modernismo e as primeiras interpretações de Brasil
Módulo 4: Os estudos sobre relações raciais dos brasilianistas
Módulo 5: Projeto Unesco e Escola Paulista de Sociologia
Módulo 6: Desenvolvimentismo e Teoria da Dependência
Módulo 7: Revolução Brasileira
Módulo 8: Estudos sobre relações raciais no Brasil Contemporâneo
Módulo 9: Reestruturação Produtiva do Capital e as relações raciais

Metodologia: leitura prévia e discussão em grupo. Em alguns encontros contaremos com a exposição de pesquisadores e estudiosos do respectivo tema.

Critérios de participação: disponibilidade para as leituras e engajamento na discussão.

Periodicidade: Mensal, toda última quarta feira do mês. O primeiro encontro acontecerá, extraordinariamente, no dia 06/04/2016, às 19h30.

Local: Cursinho Popular da ACEPUSP
Rua da Consolação, 1909 – Consolação – São Paulo/SP
300 metros da estação Paulista do metrô (linha amarela),
próximo ao Cemitério da Consolação.

Vagas: 10 – sujeito a ampliação, a partir de critérios da coordenação.
Prazo de inscrição: Até 31/03/2016
Inscrições no link: http://goo.gl/forms/PQRW52nads

Sobre os coordenadores:

Marcio Farias: psicólogo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, mestre em Psicologia Social pela PUC-SP, integra a coordenação do Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil e coordenador do NEPAFRO. Dedica-se ao estudo das relações raciais no Brasil, Pensamento Social Brasileiro e imigração de africanos no Brasil Contemporâneo.

Rafael Domingos Oliveira: historiador e mestrando em História pela Universidade Federal de São Paulo, presidente da Associação Cultural de Educadores e Pesquisadores da Universidade de São Paulo e coordenador do NEPAFRO. Dedica-se ao estudo da escravidão e abolição nas Américas, produção intelectual negra, relações de gênero e relações raciais.

Comentários

comentários

Junior Rocha

Preto, amante de tecnologia, política, cultura e cerveja. Fundador da Agenda Preta e de outros projetos que ainda não existem.

Comente