Deep Miles: Tributos a Miles Davis no JazznosFundos – 2ª edição

Carregando mapa ....

Data / Hora
Date(s) - 17/06/2017 - 18/06/2017
10:00 pm - 2:00 am

Localização
Jazz nos Fundos

Colabore com a Agenda Preta

Categorias


 

Segunda chance para quem não conseguiu comprar ingresso para a programação especial que fizemos para o aniversário do Miles Davis, no dia 26 de maio!

22h | The 60’s por Daniel D’Alcantara Quinteto
24h | The 70’s & 80’s por Maycon Mesquita Quinteto

Ingresso: R$ 35 (Lote 1) e R$ 45 (Lote 2 e porta)
Garanta seu ingresso: https://goo.gl/I2ClXx

#ccmi #jazznosfundos #milesdavies #tributo #maisjazzpormenos#sopinheirostem

★ ☆ ★ ☆ ★ ☆

Deep Miles: Um breve mergulho na obra deste grande nome do jazz com tributos prestados por dois exímios trompetistas brasileiros – Daniel D’Alcântara cobrindo sua obra da década de 60 e Maycon Mesquita, a de 80.

Trompetista, compositor, band leader, Miles Davis (26 de maio de 1926 – 28 de setembro de 1991) foi fundamental na história do jazz. Transitou por várias fases do gênero – Bebop, Cool Jazz, Hard Bop, a chamada “Liberdade controlada”, o electric jazz, hip hop jazz – sempre sinalizando caminhos e evoluindo esta música. Tornou-se um ícone mundial em vida, um reconhecimento pouco comum para um instrumentista negro naquele momento. Diz-se que, em certo período, foi o mais bem pago músico de jazz. Por vezes controverso, polêmico, sempre genial, foi um representante importante da luta dos negros contra o racismo.

A música de Miles tinha uma profundidade, uma intimidade muito original para trompetistas. O uso da surdina, o ataque impreciso, o jazz modal, o uso do silêncio – elementos que traziam à sua performance uma aura de mistério, sofisticação e proximidade.

22h | The 60’s por Daniel D’Alcantara Quinteto | Sala do Autor

Daniel D’Alcântara presta sua homenagem com temas de Miles compostos com o que hoje conhecemos como seu segundo grande quinteto, trazendo temas inesquecíveis como ESP, Agitation, Footprints, The Sorcerer. Milestones. “Neste tributo ao gênio e importante divisor de águas no universo artistico, Miles Davis, pretendo mostrar um pouco do periodo (na minha opinião) no qual Miles foi mais criativo e inovador (anos 60) onde o espaço e liberdade para a criação individual e coletiva estava exalando pelos poros destes geniais integrantes do Quinteto (Herbie Hancock, Wayne Shorter, Tony Williams e Rom Carter). Tudo que foi feito neste período influencia até hoje o que é feito na atualidade”. Daniel D’Alcântara

24h | The 70’s & 80’s por Maycon Mesquita Quinteto | Sala JazznosFundos

Maycon Mesquita, ao lado de Wilson Teixeira, Gabriel Gaiardo, Sidiel Vieira e Jonatas Sansão presta sua homenagem à fase dos anos 70 e 80 de Miles Davis. “Neste tributo ao grande trompetista Miles Davis, que em minha opinião é um dos maiores nomes da música instrumental, tocaremos músicas com o conceito dos anos 70 e 80 onde Miles, além da improvisação livre, explorou uma linguagem mais voltada para a música eletrônica e POP”, Maycon Mesquita.

Comentários

comentários

Bruna Salles

Mulher Preta de duas cabeças. Na de dar Assistência ao Social, me encantei pela Articulação Cultural e cá estamos: Co-Fundadora e Coordenadora de Comunicação da Agenda Preta.

Comente