Hip Hop Cultura de Rua – Eixo 1 (Lançamento Oficial)

Carregando mapa ....

Data / Hora
Date(s) - 30/04/2016
6:00 pm - 11:00 pm

Localização
Biblioteca Mario de Andrade

Colabore com a Agenda Preta

Categorias


O Hip Hop é a mais potente linguagem cultural contemporânea para o empoderamento da juventude no Brasil. A Cultura Hip Hop nasceu na rua e pela rua, na periferia e pela periferia do protesto e da necessidade do “Desabafo”. O Hip Hop possibilitou, e continua a dizer ao mundo, e ao sistema opressivo que o governa, como o modo de vida é desigual e injusto para quem é pobre.
A periferia de São Paulo historicamente se formou como espaço de exclusão o fato construído as margens do processo extraordinário de crescimento da cidade e conseqüente valorização abusiva do uso do solo urbano, morar perto do centro se tornava cada vez mais caro. A formação do território periférico, traz em sua origem a perversidade dessa lógica que se perpetua no contemporâneo. Era desse ambiente impregnado de desequilíbrios, que as letras do Rap e os elementos do Hip Hop se criaram.
 Hip Hop Cultura de Rua - Eixo 113015531_997548436949747_4315729676395080184_n

O projeto teve sua pesquisa voltada inicialmente em 5 estados brasileiro começando por São Paulo, Rio de Janeiro, Goiânia, Brasília e Belo Horizonte. A importante participação dos gritos de cada cidade juntamente com suas informações e registro foram de grande importancia pois obtivemos a origem verdadeiras dos acontecimento em cada cidade e seus verdadeiros protagonistas B.Boys, B.Girls, Dj’s, MC’s e Escritores de Graffiti.

Hip Hop Cultura de Rua – Eixo 1 obra feita por Kaseone e MC WHO? produção TSB Hip Hop e HHB Studio realização programa VAI e Prefeitura do Estado de São Paulo.

Projeto

Início das pesquisas em São Paulo Dezembro de 2014. Projeto aprovado pelo program VAI em Março de 2015. Finalizado em Março de 201

Comentários

comentários

Bruna Salles

Mulher Preta de duas cabeças. Na de dar Assistência ao Social, me encantei pela Articulação Cultural e cá estamos: Co-Fundadora e Coordenadora de Comunicação da Agenda Preta.

Comente