Lançamentos do mês de Julho

Lançamentos de Julho

Julho foi um mês abençoado pra musica preta brasileira. Desde a volta do Dragões de Komodo, do aguardado lançamento das manas do Rap Plus Size, do belo clipe do Engrenagem Urbana com Xis e Rincon Sapiência, até o surpreendente clipe solo da Xênia França. Foi um mês cheio de coisas boas pros admiradores da boa música.

Colabore com a Agenda Preta

Separamos aqui 13 lançamentos que bateram forte aqui na Agenda Preta, espero que gostem. Se achar que faltou algo, mande nos comentários.

1 – Dragões de Komodo – “A C.H.A.V.E.” Álbum

“QUEM CONHECE TÁ LIGADO” já dizia o refrão de um dos grupos de rap mais pesados dos últimos anos. No EP “A C.H.A.V.E” Komodo manteve a linha conhecida de boom bap pesado com levadas afiadas e criticas sociais nas faixas. Recomendo fortemente a audição com destaque para “Eu te amo Hip Hop”. Ouça:

2 – Rap Plus Size – EP

A dupla formada por Issa Paz e Sara Donato tem feito barulho na cena nacional. Rap feminista, contestando os padrões de beleza impostos por uma sociedade machista e racista. Um verdadeiro grito de liberdade feminina. Mas não é só de letras politizadas que o EP é feito, o som é pesado, bem produzido e com lindas levadas que passeiam com destreza pelas bases de vários produtores. Destaque para “IMC”.

3 – MC Carol – “Delação Premiada” Single

Carol sempre surpreende. Sério. Desde os sons mais comicos, como “Jorginho me empresta a 12”, até sons com letras politizadas, como a aclamada “Não foi Cabral”. Carol mostra seu talento em qualquer assunto e em qualquer base. Em “Delação Premiada”, a MC faz um rap pesado, com letra contundente que fez muita gente de fora do rap ter contato com essa estética e temática. Som foda!

4 – Rappin Hood feat Djavan e Max Viana – “Vilarejo” Single.

Faixa swingada, cheia de ritmo, daquelas que a gente dança na cadeira do escritório enquanto escuta trabalhando. A faixa estará presente no “Sujeito Homem 3”, albúm que deve ser lançado ainda em 2016 pelo rapper.

5 – Akins Kintê – “Muzimba – Na humildade sem maldade” Livro/Disco/Clipe

Akins é zica da caneta, um dos poetas mais aclamados da nova geração lançou um trampo novo incrível, um livro com o já conhecido talento do poeta em narrar a vida da gente preta de são paulo, suas dificuldades, problemas, amores e desejos. Isso já era esperado, já que é a marca maior do artista, o que surpreendeu ainda mais o público foi o disco que acompanha o livro, nele o poeta declama suas poesias em cima da musicalidade genial do produtor Tico Pro. Destaque pra “Duro não é o cabelo” e “Preta Não Mulata”. Confira o clipe e abaixo o link do facebook para comprar o livro.

Compre o livro/disco na página do poeta clicando aqui

6 – Du Efex feat Luiz Preto – “Favela High Tech” Single

Du Efex, integrante do EFEITOS fez essa track pesada com o Luiz Preto, do Caos do Subúrbio. Com produção de Said no Beat e Ricardo Mock, o single faz parte do disco “Du Barraco Pá Espaiá” .

7 – Nocivo Shomon – “Amante da Madrugada” Single

Em cima de um trap moderno, Nocivo vem com uma letra e levada inovadora. Single que acredito que fará barulho nas pistas mais sujas de SP. A produça é assinada por Mortão VMG.

8 – Projeto Preto – “Assim que os preto faz” Single

Eu não conhecia o Projeto Preto, conheci a track a partir de um compartilhamento da Sara Donato no Facebook. Pelo que pesquisei os caras são de Diadema, região metropolitana de São Paulo. A produção fica na conta do PQNO.

9 – Tico QDP – “Coisa de Tico” Álbum.

Tico QDP, MC do grupo Caos do Subúrbio, lança seu primeiro álbum solo. Seguindo a linha de um rap seco, de mensagem e com forte raízes africanas, “Coisa de Tico” é um disco que promete barulho na cena nacional. O disco conta com participações de Du Efex, Luiz Preto, Gegê Caos, Raphão Alaafin, Preto Win e Nayara Nascimento. Ouça aqui:

10 – MC Soffia feat Gram, Pedro Angeli – “Minha Rapunzel tem Dread” Single/clipe

Nossa “Menina pretinha”, MC Soffia, lançou um single/clipe chamado “Minha Rapunzel tem dread”. O som aborda a falta de representatividade de princesas negras para as nossas crianças e o papel que a imaginação pode ter na quebra dos padrões brancos. Lindo clipe! Veja aqui:

11 – Xênia França – “O Canto” Single/clipe
Primeiro clipe/single lançado por Xênia, vocalista do Aláfia. O som e o clipe tratam de questões fortes para mulheres pretas como os esteriótipos. O clipe é dirigido por Gabi Jacob e produzido pelo Coletivo 336. Veja:

12 – Luiz Preto – “Perguntas”

Também MC do grupo Caos do Subúrbio, Luiz Preto vem trabalhando em seu projeto solo, o “Solo 40”. O projeto, que celebra os 40 anos de idade do MC, tem a proposta de lançar um single por mês até o mês de maio de 2017, que é quando o rapper completa 41 anos. No single “Perguntas” Luiz, com uma musicalidade impar, vem com rimas de questionamento e motivação. Trampo pesado!!!

13 – Engrenagem Urbana feat Xis e Rincon Sapiência – “São Paulo dos marginais” Clipe

Dirigido por Vras 77, Engrenagem Urbana lança esse belo clipe. Com as letras detalhistas de Samuel, vocal da banda, participações pesadas de Rincon e Xis numa levada classe a dessa banda que, pode ser novidade pra você, mas já é sucesso na ZL de Sampa faz um tempo, a música São Paulo dos Marginais fala das contradições da selva de concreto que vivemos. Já ví mais de 100 vezes!!!

 

Faltou algum lançamento? Deixe nos comentários!

Comentários

comentários

Junior Rocha

Preto, amante de tecnologia, política, cultura e cerveja. Fundador da Agenda Preta e de outros projetos que ainda não existem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *